[Fotos] 18.03.2017 – Dia Mundial do Jovem Adventista


O dia foi nosso, mas o presente foi para o próximo!
Nesse último sábado, dia 18 de março, foi o Global Youth Day, traduzindo: o dia global do jovem adventista. A direção dos jovens juntou-se mais uma vez para fazer uma programação especial para toda a igreja de Sobradinho, Distrito Federal.

O dia começou assim: O “Espaço Jovem” (a escola sabatina jovem) se movimentou e foi à nave da igreja na intenção de juntar todos os membros para a explicação da lição. Logo após esse momento, teve o sermão pelo Pastor Sandro o qual discorreu sobre o assunto das tentações sofridas pelos jovens e que a igreja tem o dever de ajudá-los a permanecerem no caminho certo.

O dia não terminou por aí! Às 17 horas começou a vigília com a participação de jovens de todas as igrejas do distrito. Com peças, cantoria e pregações. Logo após esse momento, teve uma socialização na quadra do colégio La Salle onde a igreja pode se divertir jogando e confraternizando junta até às 22:00. No entanto, nenhuma dessas horas foi tão impactante quanto o último acontecimento.

Lembrando da história no começo dessa matéria e o pensamento de que a nossa obrigação é tornar a vida do próximo melhor, as pessoas que estavam no “social”, como dizem, dividiram-se em dois grupos e foram Sobradinho a fora atrás de moradores de rua para entregar-lhes um presente: marmitas quentinhas! Nada daquele dia foi tão gratificante quanto ver os olhares dos andarilhos agradecendo por um ato tão bem-intencionado que na verdade, não era nada mais no que a nossa obrigação.

Lembra daquela frase tão falada pelas mães tentando ensinar o significado do amor: “É melhor dar do que receber”? Lembra de quantas vezes a Bíblia mostra Jesus dando socorro ao seu próximo, que em muitas horas eram plenos desconhecidos e marginalizados pela sociedade? Aquele momento foi plenamente esclarecedor de que o dia do Jovem só existe para nos lembrar que estamos aqui para sermos luz do mundo, para sermos a mão estendida, a ajuda que os outros procuram e não acham, o sorriso estampado no rosto de alguém que conheceu a graça e precisa compartilhá-la, o sal da terra, o corpo de Cristo.

Para nos lembrar que somos servos de Cristo e estamos aqui para servir os menos afortunados tanto materialmente quanto emocionalmente. Para nos dizer que esse dia é um lembrete de que existimos para o próximo.

Vamos ser mais amáveis, atentos e prestativos todos os dias? O dia foi nosso e o presente, claramente, foi o próximo!
Clique na imagem para ver mais fotos deste evento no Flickr da IASD Sobradinho.